252017abr
Como perceber que alguém corre risco de suicídio e como ajudar?

Com o “jogo” Baleia Azul e a série do Netflix “13 Reasons Why”, o suicídio ganhou a mídia e a sociedade tem discutido o assunto com menos preconceito. A Organização Mundial de Saúde (OMS) relata que mais de 90% dos suicídios estão relacionados com transtornos mentais e que a maioria dos óbitos poderia ser evitado se houvessem estratégias de prevenção mais acessíveis à comunidade. Por este motivo, a Associação Paranaense de Psiquiatria (APPSIQ) alerta que é preciso envolvimento de toda sociedade, pais, educadores, instituições religiosas, mídia, Governo e Polícia.

Com intuito de contribuir com informações especializadas sobre o tema e auxiliar na prevenção, a APPSIQ está lançando o “Programa Papageno: como ajudar alguém com risco de suicídio?”.

Encabeçado pelo vice-presidente da Capital da APPSIQ, Marcelo Daudt Von Der Heyde, o evento está programado para acontecer no dia 13 de maio, sábado, no período das 8h30 às 12h30, em Curitiba (PR).

O vice-presidente da entidade, que também é professor de Psiquiatra da PUC-PR e preceptor da Residência Médica em Psiquiatra do HC/UFPR, explica que o objetivo é treinar e orientar profissionais de educação para o manejo correto e prevenção de casos de risco de suicídio. Por isso, o evento será gratuito, com inscrições antecipadas e doação de 1kg de alimento não-perecível para ajudar entidade que a APPSIQ irá definir. “Os professores na escola podem prestar atenção no comportamento dos alunos, no estado de ânimo, no humor e no rendimento escolar. Tudo isso pode dar pistas para auxiliar a família na busca por ajuda”, explica.

Para maiores informações contatar (41) 3342-8809 ou e-mail secretaria@psiquiatria-pr.org.br

Fonte: http://www.psiquiatria-pr.org.br/como-perceber-que-alguem-corre-risco-de-suicidio-e-como-ajudar/